Canudo de plástico? Não obrigado! - Rancho Orgânico

Blog

Canudo de plástico? Não obrigado!

Você já deve ter percebido que todas as vezes que compra alguma bebida, o canudo de plástico, quase que automaticamente, é oferecido ou vem junto com a embalagem para consumo…

Provavelmente você também já tenha ouvido falar ou mesmo tenha lido algo relacionado ao impacto dos canudos descartáveis no meio ambiente, mas você já refletiu sobre a importância desse tema?

O movimento em torno da conscientização para o não consumo ou substituição dos canudos descartáveis atingiu proporções mundiais nos últimos anos e, como possível consequência, tem sido retratado na mídia de forma recorrente. Toda essa repercussão resulta da análise que envolve desde a produção, o uso e, mais tarde, o descarte dos canudos.

Feito geralmente de poliestireno ou polipropileno, o canudinho pode ser reciclado, mas como é muito pequeno e leve, assim como tampas de garrafa, frequentemente é descartado no lixo. Sua vida útil é estimada em 4 minutos.

Isso mesmo, 4 minutos! E ele leva aproximadamente 400 anos para se decompor na natureza. Atualmente 90% da poluição marinha é plástica.

O volume de lixo plástico presente nos oceanos atualmente é tão grande que, segundos cálculos, há aproximadamente 5,2 trilhões de resíduos deste material boiando pelos mares. Especialistas afirmam que se não agirmos agora, até 2050, haverá mais plástico do que peixe nos oceanos.

E o canudinho, algo aparentemente inofensivo, tem ajudado a piorar esta situação. Só nos Estados Unidos, são usados 500 milhões de canudos plásticos por dia.

Isso mesmo: são 500 milhões de canudos plásticos por dia!! Esse volume de canudos, se conectados um ao outro, daria para dar duas voltas e meia no planeta por dia só de canudos.

E assim como outros resíduos, eles acabam no mar, sendo engolidos por animais marinhos, que morrem sufocados com partes de plástico.

Já há uma iniciativa internacional para estimular restaurantes e bares a eliminar o uso dos canudos. No site Straw Wars é possível aderir à causa. Os comerciantes do bairro de Soho, em Londres, foram os primeiros a se unir à campanha.

No Brasil, conscientizar a população sobre a necessidade de reduzir o consumo de canudos plásticos, o WWF-Brasil lançou  neste ano a campanha “Nesse verão, dispense o canudinho“. A ideia é convidar sociedade, indivíduos, comerciantes e governos a fazer uma reflexão: o que cada um de nós pode fazer para reduzir o plástico nos oceanos?

O Rio de Janeiro é a primeira cidade brasileira a se unir à luta mundial contra os canudinhos de plástico. Recentemente os vereadores do Rio de Janeiro aprovaram, em segunda discussão, o Projeto de Lei nº 1691/2015 que “obriga os restaurantes, lanchonetes, bares e similares, barracas de praia e vendedores ambulantes do Município do Rio de Janeiro a usar e fornecer a seus clientes apenas canudos de papel biodegradável e/ou reciclável individualmente e hermeticamente embalados com material semelhante.

Com a lei for aprovada, o Rio de Janeiro se juntou a um grupo de mais de dez países que aboliram os canudos de plástico, entre os quais estão França, Costa Rica, Noruega e Uruguai. Algumas cidades, como Vancouver, também já se juntaram à luta contra esse vilão da poluição oceânica. Além do canudo de papel, apontado como opção renovável e biodegradável pelo projeto de lei carioca, os estabelecimentos também podem usar versões duráveis do canudo: existe canudo de vidro, de metal e até canudo comestível.

Como você sabe, tendo em conta que apenas a menor parte do plástico que utilizamos no dia a dia é reciclada, uma quantidade considerável é destinada aos aterros sanitários e muita coisa acaba sendo desviada no meio do caminho, tendo destino os corpos hídricos e os oceanos. Nesse cenário, os canudos compõem 4% de todo o lixo plástico a nível global e, infelizmente, as consequências são essas: além de poluírem os oceanos, boa parte desse material, ao se desintegrar em partes menores, termina na cadeia alimentar dos peixes, acarretando na morte de diversas espécies marinhas.

A essa altura, talvez você esteja se perguntando quais são as alternativas a este item. A primeira delas, é parar de utilizar canudos para suas bebidas. E caso esta opção não sirva para você, uma alternativa eficiente aos canudos de plástico descartável são os canudos reutilizáveis, em aço inoxidável.

Devido ao seu material, esses canudos podem ser lavados e reutilizados quantas vezes forem necessárias, como são os talheres de aço inoxidável que utilizamos em restaurantes e em nossas casas.

De todas as formas, se você estiver em um lugar público e não puder ter acesso ao seu canudo reutilizável, quando a sua bebida vier acompanhada de um canudo descartável, diga não. O meio ambiente e a vida marinha, especialmente, agradecem!

 

Saiba mais sobre como o plástico está prejudicando a nossa natureza:

Compartilhe esse artigo

Endereço

Rua Santa Cruz, 557 - Bairro Alto - Piracicaba

Telefone

(19) 2532-0828

(19) 3432-7703

(19) 99670-7703

Email

contato@ranchoorganico.com.br